[Vem comigo] O homem que foge

O homem que foge (JBC, 2017) é um livro edição única da mangaka Natsume Ono que parte de uma fábula fantasiosa pra aterrizar em uma situação bastante simples, mas nada banal.

Esse arranque a partir do fantástico vai sendo desmontado a cada um dos capítulos, até termos a solidez daquela floresta, desenhado em traços retos e seguros.

A floresta, mesmo que vasta, não é intimidadora; o que amedronta é o desconhecido que pode haver ali e o mistério da lenda do urso que só as crianças veem (afinal, urso é jovem) e dos desaparecidos.

Há dança entre floresta e personagens, mostrando o poder do cenário pra esta história. Aliás, o bailar é uma constante na trama: da criança para o adulto, do animal pra o humano, da cidade para a floresta, do convívio para o isolamento.

Os dois últimos pares ainda entregam algo a mais e importante pra história: o muito versus o pouco e como o único pode fazer a diferença (basta um só cogumelo venenoso para estragar toda a cesta).

Essas idas e vindas são visuais também: os planos abertos da mata para os closes e planos detalhe nos personagens e o silêncio soa pelo pouco de texto – Ono normalmente resolve as cenas em ações mostradas em vez da fala – só para citar dois casos.

Apesar do meu interesse nesse vai-e-vem na história, o que faz reler O homem que foge é a arte da autora. A sua narrativa que opta por quadros pouco prováveis só poderia preencher esses quadros com os traços incertos e pontudos.

O desenho detalhado e cheio de hachuras do urso compõe o quadro com um personagem que parece sair das curvas de uma única linha de desenho.

A linha em movimento que parece ser o que desenha os personagens se liberta dos traços retos e duros das árvores, gerando outro embate nessa história de tensões que, no fim de tudo, trata de ter coragem o bastante para fugir por medo.

Publicado por lielson

Francisco Beltrão (1980) - Curitiba (2000) - São Paulo (2011) - Salvador (2017) - São Gonçalo (2018) - Santa Maria (2019).

E o que você acha?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Vitralizado

Conteúdo aleatório justaposto em sequência deliberada

Vida Offline

Auto ficção

OutraCozinha

Comida é só uma desculpa pra falar do que nos mantém vivos

MONOTIPIA | MAG

Monotipia | revista digital

turgescência

maíra mendes galvão

MAKE MATTERS WORSE

How to improve the world

palavrasecoisas.wordpress.com/

Comunicação, Subculturas. Redes Sociais. Música Digital. Sci-fi

Blog da Itiban

alimente-se

Liberpaz's Blog

Just another WordPress.com weblog

comic books from brazil

comic books from brazil

Lugar Certo

Tudo está no lugar certo

balbúrdia

Falamos de quadrinhos na maciota

forumsocialurbano.wordpress.com/

De 22 a 26 de março de 2010

%d blogueiros gostam disto: