[1, 2, 3… já!] Produções das oficinas

Oficina virtual de quadrinhos potenciais

Coluna para difundir e motivar atividades Oulipo-oubapianas, em que todos possam participar enviando suas produções a partir das proposições.

Oficinas para quem nem sabe desenhar

Essa coluna não podia ficar parada, e peço desculpas por esses meses que se arrastaram… Estamos trabalhando para que tenha cada vez mais notas bem quentinhas nesse espaço.

Retomando a programação, seguem alguns trabalhos produzidos por participantes da Oficina de quadrinhos potenciais na Bienal de Quadrinhos de Curitiba, onde tive a oportunidade de apresentar um pequeno panorama do OuBaPo. 

O aquecimento sempre começa pelos “quadrinhos cegos”, que consiste em ter apenas conteúdo escrito, sem desenhos.

Depois, outra atividade bem simples é a de transformar uma página de um quadrinho conhecido, e no caso usei o “duplo cego“: entreguei à metade do grupo uma página de quadrinhos com o texto apagado e eles deveriam imaginar os diálogos, enquanto a outra metade recebia apenas diálogos posicionados, e eles deveriam imaginar o desenho.

No caso, usei as páginas aqui abaixo, da Mônica e do banco da praça.

 

 

E aí abaixo foram as produções. Ela é bem demonstrativa do que é OuLiPo e OuBaPo: para além da ideia de fazer uma “obra”, mas sim de produzir com frequência, produzir em grupo, multiplicar as origens, para não ter essa ideia de unicidade que ronda a ideia de “arte”. Enfim, depois filosofo mais. Divirtam-se. Não é à toa que as oficinas do OuLiPo têm como subtítulo “recriação e recreação”.

E, na imagem 3, tente você também desenhar a história do quadrinho cego acima.

CRIAÇÃO

O nó cego

meu-anjo-da-guarda-semimagem

  1. Imprima o arquivo!
  2. Observe a disposição do diálogo e dos quadros.
  3. Você tem 15 minutos para rascunhar a história. Não pense, é para ir no embalo. Depois você finaliza.

1,

2,

3…

JÁ!

No aguardo da sua produção!

(Pode postar ou enviar para: kamiquase@gmail.com)

PRODUÇÃO

Especial Bienal de Quadrinhos de Curitiba

20160909_12191820160909_12184620160909_12181720160909_12175820160909_12164920160909_12162620160909_12161420160909_12160120160909_12154320160909_121527

Publicado por mckamiquase

Maria Clara Ramos Carneiro on ResearchGate https://orcid.org/0000-0003-2332-1109

E o que você acha?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Vitralizado

Conteúdo aleatório justaposto em sequência deliberada

Vida Offline

Auto ficção

OutraCozinha

Comida é só uma desculpa pra falar do que nos mantém vivos

MONOTIPIA | MAG

Monotipia | revista digital

turgescência

maíra mendes galvão

MAKE MATTERS WORSE

How to improve the world

palavrasecoisas.wordpress.com/

Comunicação, Subculturas. Redes Sociais. Música Digital. Sci-fi

Blog da Itiban

alimente-se

Liberpaz's Blog

Just another WordPress.com weblog

comic books from brazil

comic books from brazil

Lugar Certo

Tudo está no lugar certo

balbúrdia

Falamos de quadrinhos na maciota

forumsocialurbano.wordpress.com/

De 22 a 26 de março de 2010

<span>%d</span> blogueiros gostam disto: