Prêmio Grampo 2018 de Grandes HQs: As 20 listas dos convidados

Convidamos 20 pessoas ligadas à cena brasileira de quadrinhos para votar no Prêmio Grampo 2018. A regra era simples: cada um deveria enviar sua lista com os 10 quadrinhos preferidos publicados no Brasil entre os dias 1º de janeiro e 31 de dezembro de 2017 – incluindo republicações (títulos que já tenham sido lançadas no Brasil anteriormente, mas que apareceram em novo formato editorial). A regra de ouro era que os jurados não votassem em suas próprias obras ou naquelas em que trabalharam (edição, tradução, revisão, diagramação, paratextos etc). O primeiro colocado de cada lista recebeu 10 pontos, o segundo nove, o terceiro oito e assim por diante até o 10º com 1 ponto. Foram 78 obras listadas. Os títulos mais citados e mais bem colocados no ranking geral foram divulgados aqui. A seguir, as listas individuais:

Carlos Neto 
[jornalista e apresentador do Papo Zine];

1- Angola Janga – Uma História de Palmares (Veneta), por Marcelo D’Salete;
2- Não Era Você que Eu Esperava (Nemo), por Fabien Toulmé (tradução: Fernando Scheibe);
3- Paciência (Nemo), por Daniel Clowes (tradução: Jim Anotsu);
4- Black Hole (DarkSide Books), por Charles Burns (tradução: Daniel Pellizzari);
5- Rugas (Devir), por Paco Roca (adaptação: Leandro Luigi);
6- A Herança Becker (Zarabatana), por Magno Costa e Marcelo Costa;
7- O Maestro, O Cuco e A Lenda (Texugo Editora), por Wagner Willian;
8- Labirinto (Mino), por Thiago Souto;
9- Aqui (Cia das Letras), por Richard McGuire (tradução: Érico Assis);
10- Nóia – Uma História de Vingança (Escória Comix), por Diego Gerlach.

Carol Ito
[jornalista, quadrinista, pesquisadora de quadrinhos e coordenadora da página Políticas];

1- Alho Poró (La Gougotte), por Bianca Pinheiro;
2- Angola Janga – Uma História de Palmares (Veneta), por Marcelo D’Salete;
3- Coletânea FLUP HQ Vol. 2: Cidade de Deus – 50 Anos (FLUP), por vários;
4- Ainda Ontem (Piqui), por Taís Koshino;
5- Ugrito #11: Culpa (Ugra Press), por Cristina Eiko;
6- Síncope (Independente), por Aline Zouvi;
7- Neo Cortex (independente), por Bárbara Malagoli;
8- Gastrite Nervosa (Independente), por Lovelove 6;
9- Coração Partido (Sapata Press), por Ellie Irineu;
10- Coresntein (Independente), por Cora Ottoni.

Cecilia Arbolave
[sócia e editora da Lote 42];

1- Aqui (Cia das Letras), por Richard McGuire (tradução: Érico Assis);
2- Sshhhh! (Mino), por Jason;
3- Mensur (Cia das Letras), por Rafael Coutinho;
4- Angola Janga – Uma História de Palmares (Veneta), por Marcelo D’Salete;
5- O Maestro, O Cuco e A Lenda (Texugo Editora), por Wagner Willian;
6- Os Limites do Walmor (Maria Nanquim), por Bruno Maron e Ricardo Coimbra;
7- Bar (Editora Mino), por Miolo Frito;
8- Sem Dó (todavia), por Luli Penna;
9- Estudante de Medicina (Veneta), por Cynthia B.;
10- A Minha Depressão (Reva), por Elizabeth Swados (tradução: Christiano Brito Engman).

Daniel Lopes 
[editor de quadrinhos e apresentador do Pipoca e Nanquim];

1- Aqui (Cia das Letras), por Richard McGuire (tradução: Érico Assis);
2- Angola Janga – Uma História de Palmares (Veneta), por Marcelo D’Salete;
3- Promethea – Volume 2 (Panini), por Alan Moore e J.H. Williams III (tradução: Óctávio Aragão/Fabiano Denardin);
4- Black Hole (DarkSide Books), por Charles Burns (tradução: Daniel Pellizzari);
5- Paciência (Nemo), por Daniel Clowes (tradução: Jim Anotsu);
6- Rugas (Devir), por Paco Roca (adaptação: Leandro Luigi);
7- Billie Holiday (Mino), por José Muñoz e Carlos Sampayo (tradução: Maria Clara Carneiro);
8- O Homem que Passeia (Devir), por Jiro Taniguchi (tradução: Arnaldo Oka);
9- Akira – Volume 1 (JBC), por Katsuhiro Otomo (tradução: Drik Sada);
10- Noite das Trevas – Uma História Real do Batman (Panini), por Paul Dini e Eduardo Risso (tradução: Eric Novello e Levi Trindade).

Daniela Cantuária P. Utescher
[sócia e editora da Ugra Press];

1- Angola Janga – Uma História de Palmares (Veneta), por Marcelo D’Salete;
2- Labirinto (Mino), por Thiago Souto;
3- Meu Amigo Dahmer (DarkSide Books), por Derf Backderf (tradução: Érico Assis);
4- Paciência (Nemo), por Daniel Clowes (tradução: Jim Anotsu);
5- Estudante de Medicina (Veneta), por Cynthia B.;
6- Sem Dó (todavia), por Luli Penna;
7- Boxe (La Gougotte), por Alexandre S. Lourenço;
8- Tablóide (Veneta), por L. M. Melite;
9- Úlcera Vórtex (Escória Comix), por Victor Bello;
10- Terreno (Independente), por Paulo Crumbim.

Dandara Palankof
[jornalista, pesquisadora, tradutora de HQs, membro do Balbúrdia e uma das editoras da Plaf];

1- Aqui (Cia das Letras), por Richard McGuire (tradução: Érico Assis);
2- Angola Janga – Uma História de Palmares (Veneta), por Marcelo D’Salete;
3- Mensur (Cia das Letras), por Rafael Coutinho;
4- Paciência (Nemo), por Daniel Clowes (tradução: Jim Anotsu);
5- Akira – Volume 1 (JBC), por Katsuhiro Otomo (tradução: Drik Sada);
6- Estudante de Medicina (Veneta), por Cynthia B.;
7- Sshhhh! (Mino), por Jason;
8- Dylan Dog #2 – Manchas Solares (Lorentz), por Pasquale Ruju & Bruno Brindisi (tradução: Júlio Schneider);
9- Mulher-Maravilha: Renascimento (Panini), por Greg Rucka, Matthew Clark, Sean Parsons e Liam Sharp (tradução: Mario Luiz C. Barroso);
10- Não Tenho Uma Arma (Independente), Roger Vieira.

Érico Assis
[jornalista, tradutor e pesquisador de quadrinhos, editor do A Pilha];

1- Mensur (Cia das Letras), por Rafael Coutinho;
2- O Homem que Passeia (Devir), por Jiro Taniguchi (tradução: Arnaldo Oka);
3- Gus (Vol. 2 e 3) (Sesi-SP), por Christophe Blain (tradução: Fernando Paz);
4- Pluto #1 (Panini), por Naoki Urasawa e Takashi Nagaski (tradução: Diógenes Diogo)
5- Boxe (La Gougotte), por Alexandre S. Lourenço;
6- O Xerife da Babilônia (Panini), por Tom King & Mitch Gerards (tradução: Levi Trindade);
7- Viúva Negra (Panini), por Mark Waid e Chris Samnee (tradução: Leonardo Kitstune Camargo);
8- Inuyashiki #1 – #4 (Panini), por Hiroya Oku (tradução: Lídia Ivasa);
9- Alho Poró (La Gougotte), por Bianca Pinheiro;
10- Uma Bolota Molenga e Feliz (Seguinte), por Sarah Andersen (tradução: André Czarbonai).

Larissa Martina
[proprietária da RV Cultura e Arte];

1- Blacksad – Algum Lugar em Meio às Sombras (Sesi-SP), por Juan Diáz Canales e Juanjo Guarnido (tradução: Miguel Del Castill);
2- Black Hole (DarkSide Books), por Charles Burns (tradução: Daniel Pellizzari);
3- Dylan Dog #1 – Retorno ao Crepúsculo (Lorentz), por Tiziano Sclavi, Giuseppe Montanari e Ernesto Grassani (tradução: Júlio Schneider);
4- Moby Dick (Pipoca & Nanquim), por Chabouté (tradução: Pedro Bouça);
5- Akira – Volume 1 (JBC), por Katsuhiro Otomo (tradução: Drik Sada);
6- Paper Girls – Vol. 1 (Devir), por Brian K. Vaughan e Cliff Chiang (tradução: Kleber Ricardo de Sousa);
7- Meu Amigo Dahmer (DarkSide Books), por Derf Backderf (tradução: Érico Assis);
8- Condado de Essex (Mino) por Jeff Lemire (tradução: Dandara Palankof);
9- O Homem que Passeia (Devir), por Jiro Taniguchi (tradução: Arnaldo Oka);
10- Chico Bento – Arvorada (Panini), por Orlandeli;

Liber Paz
[quadrinista, pesquisador, professor universitário e membro do Balbúrdia];

1- Mensur (Cia das Letras), por Rafael Coutinho;
2- Sshhhh! (Mino), por Jason;
3- Angola Janga – Uma História de Palmares (Veneta), por Marcelo D’Salete;
4- Alho Poró (La Gougotte), por Bianca Pinheiro;
5- Sem Dó (todavia), por Luli Penna;
6- Um Pequeno Assassinato (Pipoca & Nanquim), por Alan Moore e Oscar Zarate (tradução: Marília Toledo);
7- O Bulevar dos Sonhos Perdidos (todavia), por Kim Deitch (tradução: Maria Clara Carneiro);
8- Boxe (La Gougotte), por Alexandre S. Lourenço;
9- O Maestro, O Cuco e A Lenda (Texugo Editora), por Wagner Willian;
10- Estudante de Medicina (Veneta), por Cynthia B.;

Lielson Zeni
[editor, pesquisador, roteirista de quadrinhos e membro do Balbúrdia];

1- Aqui (Cia das Letras), por Richard McGuire (tradução: Érico Assis);
2- Angola Janga – Uma História de Palmares (Veneta), por Marcelo D’Salete;
3- Sem Dó (todavia), por Luli Penna;
4- O Homem que Passeia (Devir), por Jiro Taniguchi (tradução: Arnaldo Oka);
5- Mensur (Cia das Letras), por Rafael Coutinho;
6- Ghost World (Nemo), por Daniel Clowes (tradução: Érico Assis);
7- Ilha de São Galalau (Independente), por André Valente;
8- Alho Poró (La Gougotte), por Bianca Pinheiro;
9- Os Limites do Walmor (Maria Nanquim), por Bruno Maron e Ricardo Coimbra;
10- Um Ano Inteiro (Independente), por Galvão Bertazzi.

Luciana Foraciepe
[editora da Maria Nanquim];

1- Angola Janga – Uma História de Palmares (Veneta), por Marcelo D’Salete;
2- Estudante de Medicina (Veneta), por Cynthia B.;
3- Ugrito #14: Roomates, Mórbida Diferença (Ugra Press), por Bruno Maron;
4- Úlcera Vórtex (Escória Comix), por Victor Bello;
5- Wilson Lanchão (Escória Comix), por Lobo Ramirez;
6- Eu Quero Acreditar (Beleléu), por Caio Gomez;
7- Linha do Trem – The Best of (Draco), por Raphael Salimena;
8- Bar (Mino), por O Miolo Frito;
9- Síncope (Independente), por Aline Zouvi;
10- Soco – Vol. 1 (Beleléu), por Gabriel Góes.

Maria Clara Carneiro
[tradutora, pesquisadora de HQs, professora universitária e membro do Balbúrdia];

1- Mensur (Cia das Letras), por Rafael Coutinho;
2- Angola Janga – Uma História de Palmares (Veneta), por Marcelo D’Salete;
3- Sem Dó (todavia), por Luli Penna;
4- Aqui (Cia das Letras), por Richard McGuire (tradução: Érico Assis);
5- Tablóide (Veneta), por L. M. Melite;
6- O Barril Mágico de Lena Finkle (WMF Martins Fontes), por Anya Ulinich (tradução: Érico Assis);
7- Estudante de Medicina (Veneta), por Cynthia B.;
8- Meu Macanudismo (Bebel Books), por André Valente;
9- Baiacu (todavia), por vários (edição: Laerte e Angeli);
10- Um Ano Inteiro (Independente), por Galvão Bertazzi.

Milena Azevedo
[roterista de quadrinhos, resenhista do Universo HQ e integrante do selo Pagu Comics, da Editora Cândido];

1- Angola Janga – Uma História de Palmares (Veneta), por Marcelo D’Salete;
2- Condado de Essex (Mino) por Jeff Lemire (tradução: Dandara Palankof);
3- Akira – Volume 1 (JBC), por Katsuhiro Otomo (tradução: Drik Sada);
4- A Infância do Brasil (Avec), por José Aguiar;
5- Um Pequeno Assassinato (Pipoca & Nanquim), por Alan Moore e Oscar Zarate (tradução: Marília Toledo);
6- Aqui (Cia das Letras), por Richard McGuire (tradução: Érico Assis);
7- Mensur (Cia das Letras), por Rafael Coutinho;
8- O Homem que Passeia (Devir), por Jiro Taniguchi (tradução: Arnaldo Oka);
9- Labirinto (Mino), por Thiago Souto;
10- Meu Amigo Dahmer (DarkSide Books), por Derf Backderf (tradução: Érico Assis).

Mitie Taketani
[proprietária de Itiban Comic Shop];

1- Angola Janga – Uma História de Palmares (Veneta), por Marcelo D’Salete;
2- Holandeses (Veneta), por André Toral;
3- O Homem que Passeia (Devir), por Jiro Taniguchi (tradução: Arnaldo Oka);
4- Paciência (Nemo), por Daniel Clowes (tradução: Jim Anotsu);
5- Aqui (Cia das Letras), por Richard McGuire (tradução: Érico Assis);
6- Sem Dó (todavia), por Luli Penna;
7- O Melhor Que Podíamos Fazer (Nemo), por Thi Bui (tradução: Fernando Scheibe);
8- Market Garden (Mino), por Bruno Seelig;
9- Boxe (La Gougotte), por Alexandre S. Lourenço;
10- Baiacu (todavia), por vários (edição: Laerte e Angeli).

Paulo Cecconi
[tradutor de quadrinhos e membro do Balbúrdia];

1- Angola Janga – Uma História de Palmares (Veneta), por Marcelo D’Salete;
2- Aqui (Cia das Letras), por Richard McGuire (tradução: Érico Assis);
3- Meu Amigo Dahmer (DarkSide Books), por Derf Backderf (tradução: Érico Assis);
4- Mensur (Cia das Letras), por Rafael Coutinho;
5- O Bulevar dos Sonhos Perdidos (todavia), por Kim Deitch (tradução: Maria Clara Carneiro);
6- Alho Poró (La Gougotte), por Bianca Pinheiro;
7- Paciência (Nemo), por Daniel Clowes (tradução: Jim Anotsu);
8- Sem Dó (todavia), por Luli Penna;
9- Um Pequeno Assassinato (Pipoca & Nanquim), por Alan Moore e Oscar Zarate (tradução: Marília Toledo);
10- Akira – Volume 1 (JBC), por Katsuhiro Otomo (tradução: Drik Sada).

Paulo Floro
[jornalista e pesquisador de quadrinhos, um dos editores da Revista O Grito! e da revista Plaf];

1- Angola Janga – Uma História de Palmares (Veneta), por Marcelo D’Salete;
2- Aqui (Cia das Letras), por Richard McGuire (tradução: Érico Assis);
3- Paciência (Nemo), por Daniel Clowes (tradução: Jim Anotsu);
4- Mensur (Cia das Letras), por Rafael Coutinho;
5- Estudante de Medicina (Veneta), por Cynthia B.;
6- Sem Dó (todavia), por Luli Penna;
7- Boxe (La Gougotte), por Alexandre S. Lourenço;
8- Beasts of Burden – Rituais Animais (Pipoca & Nanquim), por Evan Dorkin e Jill Thompson (tradução: Marília Toledo);
9- O Maestro, O Cuco e A Lenda (Texugo Editora), por Wagner Willian;
10- Meu Amigo Dahmer (DarkSide Books), por Derf Backderf (tradução: Érico Assis).

Ramon Vitral
[jornalista e editor do Vitralizado];

1- Aqui (Cia das Letras), por Richard McGuire (tradução: Érico Assis);
2- Paciência (Nemo), por Daniel Clowes (tradução: Jim Anotsu);
3- Angola Janga – Uma História de Palmares (Veneta), por Marcelo D’Salete;
4- O Maestro, O Cuco e A Lenda (Texugo Editora), por Wagner Willian;
5- Úlcera Vórtex (Escória Comix), por Victor Bello;
6- Mensur (Cia das Letras), por Rafael Coutinho;
7- Sem Dó (todavia), por Luli Penna;
8- Terreno (Independente), por Paulo Crumbim;
9- Alho Poró (La Gougotte), por Bianca Pinheiro;
10- Ugrito #11: Culpa (Ugra Press), por Cristina Eiko.

Raquel Moritz
[editora, publicitária e apresentadora do Pipoca Musical];

1- Reparos (Independente), por Brão Barbosa;
2- Beasts of Burden – Rituais Animais (Pipoca & Nanquim), por Evan Dorkin e Jill Thompson (tradução: Marília Toledo);
3- Condado de Essex (Mino) por Jeff Lemire (tradução: Dandara Palankof);
4- Canção de Ada (Independente), por Samanta Floor;
5- Acrobata (Independente), por Cris Peter e Ariana Rauber;
6- Já Era (Lote 42), por Felipe Parucci;
7- Moby Dick (Pipoca & Nanquim), por Chabouté (tradução: Pedro Bouça);
8- Angola Janga – Uma História de Palmares (Veneta), por Marcelo D’Salete;
9- Rosa Vermelha (WMF Martins Fontes), por Kate Evans (tradução: Marcelo Brandão);
10- Kung-Fu Ganja – Volume 1 (Tapas), por Davi Calil.

Sérgio Chaves
[produtor editorial e roteirista de quadrinhos, editor da Café Espacial];

1- Angola Janga – Uma História de Palmares (Veneta), por Marcelo D’Salete;
2- Aqui (Cia das Letras), por Richard McGuire (tradução: Érico Assis);
3- Diastrofismo Humano (Veneta), por Gilbert Hernandez (tradução: Cris Siqueira);
4- Paciência (Nemo), por Daniel Clowes (tradução: Jim Anotsu);
5- Sem Dó (todavia), por Luli Penna;
6- Rugas (Devir), por Paco Roca (adaptação: Leandro Luigi);
7- Estudante de Medicina (Veneta), por Cynthia B.;
8- Já Era (Lote 42), por Felipe Parucci;
9- Moby Dick (Pipoca & Nanquim), por Chabouté (tradução: Pedro Bouça);
10- Rosa Vermelha (WMF Martins Fontes), por Kate Evans (tradução: Marcelo Brandão).

Thiago Borges
[jornalista, editor do O Quadro e o Risco].

1- Aqui (Cia das Letras), por Richard McGuire (tradução: Érico Assis);
2- Úlcera Vórtex (Escória Comix), por Victor Bello;
3- Mensur (Cia das Letras), por Rafael Coutinho;
4- Angola Janga – Uma História de Palmares (Veneta), por Marcelo D’Salete;
5- Sem Dó (todavia), por Luli Penna;
6- Paciência (Nemo), por Daniel Clowes (tradução: Jim Anotsu);
7- Boxe (La Gougotte), por Alexandre S. Lourenço;
8- As Pessoas São Frágeis e Ignorantes (Independente), por Lovelove 6;
9- Ugrito #12: Arrecém (Ugra Press), por Diego Gerlach;
10- O Barril Mágico de Lena Finkle (WMF Martins Fontes), por Anya Ulinich (tradução: Érico Assis).

4 comentários em “Prêmio Grampo 2018 de Grandes HQs: As 20 listas dos convidados

E o que você acha?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s