[Balbúrdia Café] Jornalismo em Quadrinhos

Em nossa parceria quinzenal com o Primeiro Café, esta semana Maria Clara e Lielson (oiê!) falaram de jornalismo em quadrinhos. Quando preparamos essa pauta sobre jornalismo lá atrás, nem imaginávamos que viveríamos uma guerra na mesma semana.

A pedidos da Paula Bianchi (colunista), a coluna desta semana traz algumas autoras e autores que usam histórias em quadrinhos para fazer jornalismo, forma difundida pelo maltês-americano Joe Sacco a partir do livro Palestina. Maria Clara Carneiro e Lielson Zeni, do Balbúrdia, comentam livros brasileiros de jornalismo em quadrinhos, além da nova tradição das listinhas de dicas e links para conhecer mais do assunto.

Os livros O grande acordo nacional de Robson Vilalba (2021 com novos capítulos online) e Raul, de Alexandre de Maio (2018), ambos da editora Elefante. 

As reportagens e entrevistas de Carol Ito – e sua reportagem em HQ para a Piauí “Mulheres da Craco” e sobre a revista vexatória em presídios –,  Gabriela Güllich – autora de São Francisco com o fotojornalista João Velozo (Independente, 2019) e entrevistas para o portal Mina de HQ e os perfis em quadrinhos de Pablito Aguiar, também autor de Alvorada (independente, 2017)

+ Entrevistas: 

Alexandre de Maio por Juliana Gonçalves, no Brasil de Fato;

Robson Vilalba por Rogério Gallindo, no Plural;

Carol Ito por PJ Brandão no podcat HQ sem Roteiro e sua página Jornalismo em Quadrinhos.

Extra! – Jornalista sobre quadrinhos, Ramon Vitral, fala da sua atividade e, a partir de reflexões do Joe Sacco, comenta o papel de quem trabalha com informação: “Por que faço jornalismo sobre histórias em quadrinhos”.

“Jornalismo não permite inclusão de links para compra de uma obra em matérias ou críticas focadas nesse mesmo título. O nome disso é publicidade. Jornalismo também não dá brecha para reproduções imponderadas de discursos oficiais. E divulgação é consequência, fruto de bom jornalismo, jamais o objetivo maior.”

Ramon Vitral


Extra!₂ – Para além do livro de Vilalba, três documentários em torno do “grande acordo nacional”: Tchau, querida! de Gustavo Aranda e Vinicius Segalla (Jornalistas Livres), 2019; Excelentíssimos de Douglas Duarte, 2018; e O Processo, de Maria Augusta Ramos, 2018.

Apóie o jornalismo em quadrinhos e o jornalismo independente de qualidade!

Publicado por lielson

Francisco Beltrão (1980) - Curitiba (2000) - São Paulo (2011) - Salvador (2017) - São Gonçalo (2018) - Santa Maria (2019).

3 comentários em “[Balbúrdia Café] Jornalismo em Quadrinhos

E o que você acha?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: