[A consciência de Zeni] A deriva em Fachadas

Faz algum tempo que tenho gostado de imaginar o percurso da minha vida todo ligado: imaginação, sonho, vida desperta (no sentido dos olhos, não da mente). É só andar de um lugar pro outro. A diferença entre esses espaços seria dimensional (uma dimensão dessas das n-branas). Eu acho. Mas calma lá, acho melhor tratar de outro algo … Continue lendo [A consciência de Zeni] A deriva em Fachadas

[Bartheman] Minha lista grampo: obrigada por esperar

“Não fazer nada, olhar a grama crescer. Deixar-se levar pelo curso do tempo: fazer um café, tomar um copo d’água… Fazer de sua vida um domingo.” (R.B.) A verdade, na verdade, é que este texto deveria ter ficado pronto em janeiro. Poderia dizer que o ano só começa na terceira semana útil depois do carnaval, mas … Continue lendo [Bartheman] Minha lista grampo: obrigada por esperar

[Vem comigo] Serrote # 21

A dica de leitura é a revista de ensaios do Instituto Moreira Salles, Serrote, especificamente, a edição 21 (novembro de 2015). Faço aqui o exercício de evitar piadinhas sobre nerds não lerem textos sem figuras – até porque a revista é lindamente ilustrada, até porque essa história é mais velha que o Töpffer, até porque … Continue lendo [Vem comigo] Serrote # 21