[Prêmio Grampo] Prêmio Grampo 2022 de Grandes HQs – Os 20 rankings dos eleitores convidados

Foram 20 eleitores convidados para votar no Prêmio Grampo 2022. A regra era simples: cada um deveria enviar um ranking com seus 10 quadrinhos preferidos publicados no Brasil entre os dias 1º de janeiro e 31 de dezembro de 2021 – incluindo republicações (títulos que já tenham sido lançados no Brasil anteriormente, mas que retornaram em novo formato editorial).

A regra de ouro era que os jurados não votassem em suas próprias obras ou naquelas em que trabalharam (edição, tradução, revisão, diagramação, paratextos, etc). O primeiro colocado de cada ranking recebeu 10 pontos, o segundo nove, o terceiro oito e assim por diante até o 10º, com um ponto. Foram oitenta e uma obras listadas. Os títulos mais citados e mais bem colocados no ranking geral foram divulgados aqui. A seguir, as listas individuais:



Dandara Palankof
[tradutora, editora na Mythos e coeditora da Revista Plaf]

1) Depois que o Brasil Acabou (Veneta), por João Pinheiro;
2) O Essencial de Perigosas Sapatas (Todavia), por Alison Bechdel (tradução de Carol Bensimon);
3) Pele de Homem (Nemo), por Hubert Boulard e Frédéric Zanzim Leutelier (tradução de Renata Silveira);
4) Carniça e a Blindagem Mística – Parte 2: A Tutela do Oculto (independente), por Shiko;
5) Kit Gay (Veneta), por Vitorelo;
6) Um Grande Acordo Nacional (Elefante), por Robson Vilalba;
7) 11:11 (independente), por Jéssica Groke, Felipe Portugal, Lalo e Diego Sanchez;
8) Confinada (Todavia), por Leandro Assis e Triscila Oliveira;
9) Bloom Into You #1-#5 (Panini Comics), por Nio Nakatani (tradução de Karen Kazumi Hayashida);
10) Mayara & Annabelle Edição Definitiva Vol. 01 (Conrad), por Pablo Casado e Talles Rodrigues;

Daniela Cantuária Utescher
[livreira, editora, curadora do Ugra Fest, entre outros eventos e sócia da Ugra Press]

1) Carniça e a Blindagem Mística – Parte 2: A Tutela do Oculto;
2) Escuta, Formosa Márcia (Veneta), por Marcello Quintanilha;
3) Manual do Minotauro (Companhia das Letras), por Laerte;
4) Bebês Maníacos da Lagoinha (Escória Comix), por Fábio Vermelho;
5) Ragu #8 (Cepe), edição por Christiano Mascaro, Dandara Palakonf, João Lin e Paulo Floro;
6) 11:11;
7) Confinada;
8) Liget #5 (Harvi), por KZ;
9) Viveiro (independente), por Valter do Carmo;
10) Bufa Gunfa #1 (Bufa Produções), de Emilly Bonna e Victor Bello;

Débora Santos
[Ilustradora e quadrinista cearense]

1) Shamisen: Canções do Mundo Flutuante (Pipoca & Nanquim), por Guilherme petreca e Tiago Minamisawa;
2) Arlindo (Seguinte), por Ilustralu;
3) Bom Dia, Socorro (web/independente), por Paulo Moreira;
4) Jogo de Sombras (independente), por Gabriela Güllich e Isabor Quintiere;
5) Kit Gay;
6) Carniça e a Blindagem Mística – Parte 2: A Tutela do Oculto;
7) Yellow Monkey (web/independente), por Deleon Stu;
8) Novos Sumérios (web/independente), por Talles Rodrigues, Denis Pacheco e Débora Yukari;
9) Revolta da Vacina (DarkSide Books), por André Diniz;
10) Escuta, Formosa Márcia;


Douglas Utescher
[livreiro, editor, curador do Ugra Fest, entre outros eventos e sócio da Ugra Press]

1) Escuta, Formosa Márcia;
2) Manual do Minotauro;
3) Carniça e a Blindagem Mística – Parte 2: A Tutela do Oculto;
4) O Essencial de Perigosas Sapatas;
5) El Perro Feo #1 (Escória Comix), edição por Lobo Ramirez;
6) Ragu #8;
7) Bufa Gunfa #1;
8) O Que Conto Quando Conto Uma Piada (Atrapalho), por Batista;
9) A Abolição do Trabalho (Veneta), por Bob Black e Bruno Borges;
10) Stuck Rubber Baby (Conrad), por Howard Cruse (tradução de Dandara Palankof);

Érico Assis
[jornalista, crítico e tradutor de HQ, autor de Balões de Pensamento]

1) Oleg (Nemo), por Frederick Peeters (tradução de Fernando Scheibe);
2) A Casa (Devir), por Paco Roca (tradução de Jana Bianchi);
3) Paul em Casa (Comix Zone), por Michel Rabagliati (tradução de Fernando Paz);
4) Polina (Nemo), por Bastien Vivès (tradução de Fernando Scheibe);
5) Bom Dia, Socorro;
6) Brega Story (Brasa), por Gidalti Jr;
7) Isolamento (independente), por Helô D’Angelo;
8) Enterrei Todos no Meu Quintal (web/independente), por Luckas Iohanathan;
9) Escuta, Formosa Márcia;
10) Imbatível: Justiça e Legumes Frescos (Nanabooks), por Pascal Jousselin (tradução de Cristina Fernandes);


Gabriela Borges
[jornalista, mestre em antropologia e criadora do selo Mina de HQ]

1) Monstrans – Experimentando Horrormônios (independente), por Lino Arruda;
2) Arlindo;
3) Isolamento;
4) Kit Gay;
5) Confinada;
6) Jogo de Sombras;
7) Fessora! (independente), por Aline Lemos;
8) 11:11;
9) Ugrito #24: Aparição (Ugra Press), por Amanda Miranda;
10) Como ser adulta e outras (im)possibilidades (Gutenberg), por Lila Cruz.

Jéssica Groke
[quadrinista]

1) Juquinha – O Solitário Acidente da Matéria (Draco), por Max Andrade;
2) Polina;
3) Goral (web/independente), por Diego Sanchez;
4) Monstrans – Experimentando Horrormônios;
5) Dançando no Tempo (web/independente), por Felipe Portugal;
6) Vitu e o Fantasma – A Baixa da Égua (web/independente), por Antônio Dias;
7) Toniolo (web/independente), por Pablito Aguiar;
8) Foram as Formigas (Quadro a Quadro/Sesc Pompeia), por Marilia Marz;
9) Manual do Minotauro;
10) Ugrito #23: Última Chance para o Mundo (Ugra Press), por Gabriel Dantas.

Liber Paz
[professor da UTFPR, quadrinista, youtuber, crítico, pesquisador e membro do Balbúrdia e do Kitinete HQ]

1) Isolamento;
2) Um Grande Acordo Nacional;
3) Oleg;
4) A Rosa Mais Vermelha Desabrocha: O Amor nos Tempos do Capitalismo Tardio ou por que as Pessoas se Apaixonam Tão Raramente Hoje Em Dia (Quadrinhos na Cia), por Liv Strömquist (tradução de Kristin Lee Garrubo);
5) Pele de Homem;
6) Naturezas Mortas (Faria e Silva), por Zidrou e Oriol (tradução de J.R. Penteado);
7) Meu Mundo Versus Marta (Companhia das Letras), por Paulo Scott e Rafael Sica;
8) A Mundana (Faria e Silva) Jordi Lafebre e Zidrou (tradução de José Ignácio Mendes);
9) Lovistori (Brasa), por S. Lobo e Alcimar Frazão;
10) Guarda Lunar (Todavia), de Tom Gauld (tradução de Hermano Freitas).


Lielson Zeni
[editor da Darkside Books, pesquisador, crítico e roteirista, membro do Balbúrdia]

1) Manual do Minotauro;
2) Rusty Brown (Companhia das Letras), por Chris Ware (tradução de Caetano Galindo);
3) Um Grande Acordo Nacional;
4) Monstrans – Experimentando Horrormônios;
5) Carniça e a Blindagem Mística – Parte 2: A Tutela do Oculto;
6) Escuta, Formosa Márcia;
7) A Rosa Mais Vermelha Desabrocha: O Amor nos Tempos do Capitalismo Tardio ou por que as Pessoas se Apaixonam Tão Raramente Hoje Em Dia;
8) O Lar da Lesma Branca (web/independente), por André Valente;
9) Ugrito #24: Aparição;
10) Pra quem? Moebius e o palácio (Risco Impresso), por Guilherme E. Silveira.

Márcio Paixão Jr.
[Editor da MMarte, membro da Raio Laser, pesquisador e quadrinista]

1) Escuta, Formosa Márcia;
2) Meu Mundo Versus Marta;
3) Manual do Minotauro;
4) Brega Story;
5) Os Eternos por Jack Kirby (Panini Comics), por Jack Kirby (tradução de Dandara Palankof);
6) Terror no Inferno Verde (Pipoca & Nanquim), por Flávio Colin;
7) Pinturas de Guerra (Veneta), por Ángel de la Calle (tradução de Andréa Bruno);
8) King (Veneta), por Ho Che Anderson (tradução de Dandara Palankof);
9) Ragu #8;
10) Lovistori.


Maria Clara Carneiro
[professora da UFSM, tradutora, crítica e membro do Balbúrdia]

1) Lovistori;
2) Rusty Brown;
3) Wunder Toy Comics – Tiger Fist Action #1 (Pé-de-Cabra), por Gabriel Góes, Oriol Barbera, Panhoca, Arnaldo Branco, Batista e Pedro D’apremont;
4) Ugrito #24: Aparição;
5) Manual do Minotauro;
6) Escuta, Formosa Márcia;
7) Crônicas da Juventude (Zarabatana), por Guy Delisle (tradução de Claudio Martini);
8) A Rosa Mais Vermelha Desabrocha: O Amor nos Tempos do Capitalismo Tardio ou por que as Pessoas se Apaixonam Tão Raramente Hoje Em Dia;
9) hmmfalemais (web/independente), por anônimo;
10) El Perro Feo #1

Milena Azevedo
[roteirista, crítica e curadora de eventos]

1) Perramus (Figura), por Juan Sasturain e Alberto Breccia (tradução de Ernani Ssó e Cesar Alcázar);
2) UT (Graphite), por Corrado Roi e Paola Barbato (tradução de Paulo Guanaes);
3) Carniça e a Blindagem Mística – Parte 2: A Tutela do Oculto;
4) Edição de Artista #1 – Aventuras do Anjo (Figura), por Flavio Colin;
5) Terror no Inferno Verde;
6) Omama – Ancestrais da Terra (Urukum), por Fabio Gimovski;
7) Popeye – Um Homem ao Mar (Skript), por Ozanam e Lelis (tradução de Márcio dos Santos Rodrigues e Mônica Cristina Corrêa);
8) El Sueñero – O Sentinela Dos Sonhos (Trem Fantasma), por Enrique Breccia (tradução de Marcello Fontana);
9) Eu, Lixeiro (DarkSide Books), por Derf Backderf (tradução de Érico Assis);
10) O Pesadelo de Obi (Skript), por Tenso Tenso, Chino e Ramón Esono Ebalé (tradução de Márcio dos Santos Rodrigues).

Paulo Floro
[jornalista e editor das revistas
O Grito e Plaf]

1) Escuta, Formosa Márcia;
2) Pele de Homem;
3) Rusty Brown;
4) Brega Story;
5) Stuck Rubber Baby;
6) 11:11;
7) Manual do Minotauro;
8) Confinada;
9) Carniça e a Blindagem Mística – Parte 2: A Tutela do Oculto;
10) Filho de Ladrão (Veneta), por Christian Morales e Luis Martinez (tradução de Marcelo Barbão e Rogério de Campos).

PJ Brandão
[pesquisador e produtor do HQ Sem Roteiro Podcast]

1) Carniça e a Blindagem Mística – Parte 2: A Tutela do Oculto;
2) Pinturas de Guerra;
3) Rusty Brown;
4) Manual do Minotauro;
5) Escuta, Formosa Márcia;
6) Stuck Rubber Baby;
7) Arlindo;
8) Em Ondas (Nemo), por Aj Dungo (tradução de Érico Assis); 
9) Kent State: Quatro Mortos em Ohio (Veneta), por Derf Backderf (tradução de Érico Assis);
10) A Espera (Pipoca e Nanquim), por Keum Suk Gendry Kim (tradução de Yun Jung Im).  

Ramon Vitral
[jornalista, crítico e editor do Vitralizado]

1) Escuta, Formosa Márcia;
2) Rusty Brown;
3) Manual do Minotauro;
4) Carniça e a Blindagem Mística – Parte 2: A Tutela do Oculto;
5) Brega Story;
6) Vida à Deriva (Veneta), por Yoshihiro Tatsumi (tradução de Drik Sada);
7) Ugrito #24: Aparição;
8) Isolamento;
9) Depois que o Brasil Acabou;
10) Jogo de Sombras.

Sara Pontes
[jornalista e criadora da página Quadrinhos Arretados]

1) Você Não Me Conhece (independente), por Guilherme de Sousa;
2) Kriança Índia (Universo Guará), por Rafael Campos Rocha e Álvaro Maia;
3) Escuta, Formosa Márcia;
4) Em Ondas;
5) Podrão Aniquilação (Escória Comix), por Pablo Carranza;
6) Polina;
7) Pele de Homem;
8) Crisálida (Universo Guará), por Vinícius Velo;
9) Eu Fui um Garoto Gorila (Veneta), por Fábio Vermelho;
10) Espetaculare Meneghetti (Universo Guará), por Kash Fyre.

Tami Taketani
[fotojornalista, editora de vídeo, musicista e trabalhou na Itiban Comic Shop]

1) Bufa Gunfa #1;
2) As Desventuras de Janio Spif Pato, O Comburente Vol. 01 (Ed. Oficina do Prelo), por Taborba e Vasconcelos Associados;
3) Domex (Veneta), de Gustavo Piqueira;
4) Bebês Maníacos da Lagoinha;
5) Luba e Sua Família (Veneta), por Gilbert Hernandez (tradução de Cris Siqueira);
6) Velho Sacudo # 0 (Pé-de-Cabra), de Chico Félix;
7) Ragu #8;
8) Máquina Assassina (Escória Comix), de Riotsistah;
9) 11:11;
10) Escuta, Formosa Márcia.

Tali Grass
[editora assistente da Darkside Books, conselheira editorial da revista Café Espacial e roteirista de quadrinhos]

1) A Casa;
2) Arlindo;
3) What A Wonderful World (JBC), por Inio Asano (tradução de Caio Pacheco);
4) Ugrito #24: Aparição;
5) A Rosa Mais Vermelha Desabrocha: O Amor nos Tempos do Capitalismo Tardio ou por que as Pessoas se Apaixonam Tão Raramente Hoje Em Dia;
6) Luzia (Draco), por Zé Wellington e Débora Santos;
7) Lovistori;
8) Confinada;
9) Amarelo Seletivo (independente), por Ricardo Tayra e Talessak;
10) A Espera.

Thiago Borges
[jornalista, editor do blog O Quadro e o Risco e da revista Banda]

1) Stuck Rubber Baby;
2) Cromáticas (Trem Fantasma), por Jorge Zentner e Rubén Pellejero (tradução de Marcello Fontana);
3) Umahistória (Veneta), por Gipi (tradução de Michele Vartuli);
4) Enterrei Todos no Meu Quintal;
5) 11:11;
6) Incidentes da Noite (Veneta), por David B. (tradução de Maria Clara Carneiro);
7) André, o Gigante (Mino), por Box Brown (tradução de Celio Cecare);
8) Isolamento;
9) Um Tal Daneri (Comix Zone), por Carlos Trillo e Alberto Breccia (tradução de Jana Bianchi);
10) Naturezas Mortas (Faria e Silva), por Zidrou e Oriol (tradução de J.R. Penteado).

Weaver Lima
[artista, curador e produtor cultural]

1) Rusty Brown;
2) Escuta, Formosa Márcia;
3) Uma história;
4) Polina;
5) Meu Mundo Versus Marta;
6) Podrão Aniquilação;
7) Manual do Minotauro;
8) Depois que o Brasil Acabou;
9) Luba e Sua Família;
10) Ragu #8.

Publicado por mckamiquase

Maria Clara Ramos Carneiro on ResearchGate https://orcid.org/0000-0003-2332-1109

Um comentário em “[Prêmio Grampo] Prêmio Grampo 2022 de Grandes HQs – Os 20 rankings dos eleitores convidados

E o que você acha?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Vitralizado

Conteúdo aleatório justaposto em sequência deliberada

Vida Offline

Auto ficção

OutraCozinha

Comida é só uma desculpa pra falar do que nos mantém vivos

MONOTIPIA | MAG

Monotipia | revista digital

turgescência

maíra mendes galvão

MAKE MATTERS WORSE

How to improve the world

palavrasecoisas.wordpress.com/

Comunicação, Subculturas. Redes Sociais. Música Digital. Sci-fi

Blog da Itiban

alimente-se

Liberpaz's Blog

Just another WordPress.com weblog

comic books from brazil

comic books from brazil

Lugar Certo

Tudo está no lugar certo

balbúrdia

Falamos de quadrinhos na maciota

forumsocialurbano.wordpress.com/

De 22 a 26 de março de 2010

%d blogueiros gostam disto: